Montar um e-commerce é uma estratégia muito interessante para quem deseja criar um ambiente altamente lucrativo de forma bem estruturada. Uma loja virtual proporciona diversas oportunidades, mas para aproveitá-las da melhor forma é preciso conhecer esse modelo de negócio.

Por isso, neste artigo mostraremos as principais dicas para quem deseja abrir uma loja virtual e conquistar grandes resultados. Confira!

Como montar um e-commerce?

Quais são as principais informações para montar um e-commerce?

O registro do domínio

O primeiro passo para montar um e-commerce é registrar o domínio na internet. Depois que você já escolheu o nome da sua empresa, é fundamental garantir que o endereço do site esteja cadastrado em seu nome para evitar problemas futuros.

Antes de efetuar esse registro, você precisa verificar se ele está disponível. Há alguns sites possíveis para essa verificação e cadastro, como o Registro.Br e a GoDaddy  (aquela do comercial de TV do cachorro 😉 ).

A escolha da plataforma

A plataforma de e-commerce é a ferramenta em que a loja virtual será montada. Essa escolha é importante pois ela, provavelmente, seguirá em toda a vida do e-commerce.

Uma boa plataforma deve permitir uma gestão facilitada, alterações simples e rápidas no design, além de garantir uma boa usabilidade aos usuários.

Uma escolha ruim pode engessar o seu ambiente virtual e atrapalhar bastante o seu negócio. Por isso, tenha muita atenção nessa escolha!

Os documentos necessários para a abertura

Para abrir uma empresa no Brasil há uma série de documentos que você precisa providenciar. Podem variar de acordo com a área de atuação, mas os mais comuns são:

  • CNPJ;

  • Inscrição na Previdência Social;

  • Contrato Social;

  • Registro na Junta Comercial;

  • Alvará de Localização e Funcionamento;

  • Inscrição Estadual.

A abertura de CNPJ para uma loja virtual

Se você quer montar um e-commerce, saiba que é obrigatório a abertura de CNPJ, ou Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica.

Para efetuar esse cadastro, você precisa preencher e entregar a Ficha Cadastral de Pessoa Jurídica (FCPJ) e o Quadro de Sócios e Administradores (QSA) na Junta Comercial. O envio dos documentos também pode ser feito via Correios.

As etapas de cada registro

Contrato social

O contrato social define o capital que cada sócio aplicará na empresa, as parcelas de participação, a área de atuação e o modelo tributário.

Para obtenção desse registro, você deve elaborar o documento, reconhecer em cartório a empresa e a firma dos sócios, além de obter a assinatura de um advogado.

Registro na Junta Comercial

Para essa etapa você deve levar até a Junta Comercial o contrato social, as cópias autenticadas do RG e CPF do titular ou dos sócios, o requerimento padrão da Junta Comercial, a Ficha de Cadastro Nacional — modelos 1 e 2 — e os comprovantes de pagamento das taxas de DARF.

Alvará de localização e funcionamento

Para obter o alvará você precisará do formulário obtido na prefeitura, fazer uma consulta para verificar se o endereço desejado é possível de ser utilizado, cópia do CNPJ, cópia do contrato social e os laudos dos órgãos de vistoria (corpo de bombeiros, vigilância sanitária etc.), se for preciso.

Inscrição estadual

A Inscrição estadual é bem simples de se fazer. Todo o processo é realizado pela internet, no site do SEFAZ.

A Lei do e-commerce

Para legalizar as atividades on-line e garantir que os direitos do consumidor sejam atendidos, o Decreto nº 7.962/2013 foi criado. Ele é conhecido como a Lei do e-commerce, e visa estabelecer algumas regras, como:

  • identificação completa do fornecedor no site;

  • endereço físico e eletrônico no site;

  • informações claras e precisas;

  • resumo e contrato disponibilizados;

  • obrigação da etapa de confirmação de compra;

  • regras para o atendimento eletrônico;

  • manutenção da segurança das informações;

  • permissão do direito de arrependimento;

  • regras para estornos solicitados;

  • regras para compras coletivas.

Vamos montar um e-commerce de grandes resultados?

Como vimos em nosso artigo, montar um e-commerce é uma estratégia muito interessante, mas deve ser feita respeitando cada etapa necessária para estar legalizado e evitar problemas futuros.

Agora que você já sabe o caminho para montar um e-commerce, baixe o nosso guia de como vender pela internet começando do zero!

Guia Como Vender Pela Internet Começando do Zero

(Visited 596 times, 2 visits today)