fbpx

Como fazer benchmarking no e-commerce? Passo a passo

Conheça alguns passos estratégicos para fazer um excelente benchmarking em seu e-commerce.

O benchmarking é uma análise de mercado que verifica quais procedimentos, métodos, produtos e serviços podem ajudar no desenvolvimento de determinado negócio, tendo como base a comparação entre empreendimentos de um mesmo ramo. No e-commerce, por exemplo, os principais tipos são: competitivo, de processos, genérico, multissetorial e funcional.

Essa estratégia é extremamente importante para articular suas vendas e se destacar entre os concorrentes. Por isso, é fundamental saber como fazer um benchmarking a altura do seu negócio.

Se você tem dúvidas sobre como colocá-lo em prática, continue a leitura deste post!

Passo a passo: como fazer benchmarking no e-commerce

Defina os concorrentes a serem analisados

O primeiro passo é definir os concorrentes a serem analisados. É fundamental escolher empresas que sejam relevantes e representativas no contexto do seu e-commerce e do mercado em que você atua.

Escolha os itens que constar no benchmarking

Para que a sua companhia realize um benchmarking que aponte quais estratégias usadas pelos seus concorrentes podem interferir positivamente no crescimento do seu negócio, é necessário definir quais itens devem ser comparados com os do seu e-commerce.

Veja alguns exemplos:

Loja virtual sob Medida com agilidade e mensalidade acessível
  • a plataforma de e-commerce usada;
  • o modo de fazer as campanhas;
  • os benefícios oferecidos aos clientes;
  • os tipos de pagamento que aceita.

Determine KPIs para análise

Os KPIs são indicadores pontuais para refinar a análise e entender quais são os pontos mais importantes a serem avaliados naquele momento — ou seja, para determinar o que precisa ser ajustado com agilidade.

Devido ao dinamismo das lojas virtuais, você pode observar o que o seu concorrente está realizando em relação às estratégias de marketing nas redes sociais, por exemplo, além de como fazem a descrição dos seus produtos e tantos outros pontos relevantes.

Realize a comparação para definir pontos fortes e fracos

Depois de estudar muito bem os seus maiores concorrentes, é importante destacar quais foram os pontos fortes verificados e quais ações potencializam o crescimento do negócio.

É preciso, também, compará-los com os pontos fracos da sua empresa. Isso ajudará a sua loja virtual a eliminar aqueles fatores negativos que impedem seu real crescimento no mercado.

Uma dica para fazer essa verificação é usar a Matriz SWOT, que demonstra minuciosamente as forças, fraquezas, ameaças e oportunidades.

Trace um plano de ação para o benchmarking

Depois de tantas informações, é hora de criar um plano de ação. Esse recursos ajuda a manter o foco na hora de tomar decisões assertivas, destacando aquilo que deve ser implementado para aprimorar a produtividade da empresa e alavancar sua colocação no mercado — ficando, ao menos, no mesmo patamar das companhias que serviram como referência para o crescimento da sua loja online.

Agora que você já sabe como fazer benchmarking, é importante usar os resultados obtidos para criar, otimizar, implementar e adaptar as estratégias do seu negócio — sobretudo de marketing — para que promovam melhorias contínuas. No e-commerce, essas ações podem ser complexas, por isso, é interessante contar com uma parceira especialista em lojas virtuais.

Se você gostou deste conteúdo, aproveite para conhecer nosso podcast Papo de Loja disponível no canal da Bertholdo no Youtube. Fique por dentro das novidades do mercado!

5/5 - (2 Votos)

Conteúdos relacionados

Rolar para cima
Rolar para cima