Quando abrimos uma loja virtual, podemos aprender, desde o início, observando os erros e acertos de grandes players do mercado. Por isso, vamos falar sobre alguns exemplos da Magazine Luiza, essa que é, atualmente, uma das principais varejistas do Brasil.

Magazine Luiza
Crédito: Flickr

Um dos principais trunfos da empresa, logo que ganhou nome, foi a construção positiva da imagem de sua fundadora, Luiza Trajano. Vamos começar por esse caso, que também conta a história do Maganize Luiza. 

Os acertos do Maganize Luiza: inspire-se!

O marketing por trás do nome da empresa

Uma história clássica, que aproxima a marca e pessoas de todo o Brasil, principalmente mulheres. Uma receita pronta para o sucesso. Assim foi desenvolvido o storytelling por trás de Luiza Helena Trajano, conhecida também como Dona Luizinha.

Mulher guerreira, trabalhou em vários cargos da empresa, que era uma loja no interior de São Paulo, de seus tios. Com muito empenho, expandiu a rede para a capital e, posteriormente, para todo o Brasil. Do ambiente físico, também ganhou a internet e é um dos 5 principais e-commerces de varejo do país.

A gigante, atualmente, opera em mais de 16 estados, e após alguns anos de estrada também adquiriu outras marcas como: as lojas Líder, de Campinas (SP), a Wanel, de Sorocaba (SP), as redes Arno, do Rio Grande do Sul, Netshoes, Kilar e Madol, com lojas no Sul do Brasil.

Por fim, em relação à loja virtual, Luiza foi pioneira em vendas online, tornando o site um grande marketplace! Por lá, você encontra desde móveis para casa até produtos de beleza e eletrônicos. 

Humanização da plataforma online do Magazine Luiza 

Desde sempre, comprar no Magazine Luiza é uma experiência próxima, como se você estivesse em uma loja conhecida, perto de casa. Por isso, todos os seus funcionários são direcionados para receber os consumidores com um tratamento mais humano.

Mas, com a entrada de um e-commerce, esse seria um desafio e tanto! Esperta que só, junto ao seu time de marketing, Luiza Trajano tratou de tornar o ambiente online tão aconchegante quanto uma de suas lojas físicas. Assim, nasceu a Lu do Magalu, a assistente virtual.

banner-magazine-luiza

Lu se tornou tão popular que está no banner principal do site, além de ser a persona das redes sociais. O avatar é, inconscientemente, a própria Dona Luizinha, ajudando o consumidor em todas as etapas da compra.

Redes sociais próximas aos usuários

Como contamos acima, as redes sociais também têm Lu do Magalu como a persona que interage com os consumidores, apresentando as novidades da empresa. 

No Instagram, por exemplo, a “bio” é pouco comum se comparando a outros cases do setor. Porém, a iniciativa – inovadora por sinal – foi uma grande sacada! Lu é uma influenciadora, criadora de conteúdo e especialista da área em que atua. Veja abaixo:

Instagram magalu

A cada post, Lu conta sobre os produtos de maneira muito próxima, falando também sobre os prêmios que a empresa recebe, o ambiente de trabalho por lá. Dessa maneira, pessoas passam a, também, desejarem trabalhar no Magazine Luiza. 

Mais mulheres no mercado de trabalho

Os exemplos se estenderiam vida afora! Mas, vamos fechar com mais um salto, coerente, do nome Magazine Luiza no mercado.

Trajano é uma das poucas CEOs mulheres da América Latina e, por isso, possui grande representatividade. Usando esse gancho, a empresária sempre se colocou como uma defensora ferrenha do empoderamento feminino, sendo uma inspiração para todas as brasileiras.

A partir disso, criou cotas na empresa e tem muitas colaboradoras em cargo de liderança. Também emprega mulheres que sofreram violência doméstica, incentivando-as a ter o seu próprio dinheiro e, assim, não retornarem aos lares dos abusadores.

Fechando essa questão tão importante, que cria uma empatia social entre marca e público, Luiza Trajano desenvolveu um canal para denúncias de violência contra a mulher, participando de uma campanha que visa incentivar ligações para o telefone 180.

O principal erro em toda a história do Magazine Luiza

Agora, hora de aprender com esse que, historicamente, foi o principal erro de Luiza Trajano: cair ao carregar a tocha Olímpica, em 2016!

Sim, essa é uma brincadeira só para ilustrar, mais uma vez, que tudo vira marketing para essa superempreendedora. Após o tombo, que repercutiu em todas as mídias convencionais e digitais, o Magazine Luiza lançou a campanha #cairfazparte, promovendo descontos em suas lojas virtuais e físicas. Mais um match certo!

Inspire-se no Magazine Luiza e abra o seu próprio e-commerce

Que tal, agora, abrir o seu próprio negócio? O setor do comércio online cresce a cada ano e essa pode ser a chance da sua vida. Faça contato com a gente, nós queremos te ajudar! #vempraBertholdo

(Visited 104 times, 1 visits today)
Magazine Luiza: aprenda com os erros e acertos Magazine Luiza: aprenda com os erros e acertos Magazine Luiza: aprenda com os erros e acertos 2020-01-13 14:24:46
5.00 5 1