fbpx

Diagnóstico de marketing: O que é? Como fazer?

Está com dificuldades para fazer o diagnóstico de marketing da sua empresa? Não se desespere! Confira as nossas dicas.

Calendário do e-commerce 2024: melhores datas para vender online

Você sabe o que é diagnóstico de marketing? Neste texto, falamos mais sobre o conceito e explicamos como realizá-lo em sua empresa.

O gerenciamento de qualquer empreendimento envolve tomadas de decisões que são fundamentais para o sucesso da companhia. É importante que elas sejam possibilitadas por uma análise inteligente do ambiente interno e externo da empresa a fim de potencializar sua eficiência.

Para tal, é preciso não apenas contar com metas claras para o futuro, mas também olhar para o passado e aprender com os erros e acertos. Nesse sentido, é fundamental conhecer e aplicar o conceito de diagnóstico de marketing, uma atividade que deve ser realizada, preferencialmente, por um especialista.

Neste texto, vamos falar mais sobre esse tipo de diagnóstico, explicando o que ele é, qual é sua importância e como deve ser realizado. Acompanhe!

O que é diagnóstico de marketing?

Se você tem alguma experiência com a gestão de negócios, sabe que muitas vezes os resultados saem diferentes do esperado. Quando isso acontece, de nada adianta se desesperar e tomar ações que não sejam absolutamente conscientes.

Dito isso, a única forma de entender o que precisa ser mudado na estratégia e o que pode ser mantido é realizar um diagnóstico de marketing. Trata-se de um procedimento que envolve pesquisas, estudos e análises acerca da empresa para encontrar a origem dos resultados negativos.

O que é diagnóstico de marketing?

Entenda a importância

A realização desse diagnóstico é de extrema importância para a empresa. Sabe quando você vai a um médico, ele identifica o problema e indica o tratamento adequado? A ideia é mais ou menos a mesma.

A partir da conclusão do estudo, sua empresa tem a oportunidade de montar estratégias efetivas. Isso porque, com os dados obtidos no processo, é possível direcionar os esforços exatamente para os pontos mais relevantes.

Com que frequência você deve realizar o diagnóstico de marketing?

Como cada empresa adota uma abordagem única, não há apenas uma resposta para essa pergunta. É necessário que os gestores tenham um conhecimento profundo do ambiente da companhia. Assim, eles conseguem identificar com maior clareza o momento propício para a investida.

No entanto, existem situações específicas que, sempre que aparecem, demandam a realização do diagnóstico de marketing. São elas:

  • o desenvolvimento de um novo planejamento;
  • obtenção de resultados que não condizem com o investimento;
  • lançamento de novos produtos ou serviços;
  • mudanças estruturais na empresa.

Como realizar o diagnóstico de marketing?

Agora que você entende o que é o diagnóstico de marketing, quais são suas vantagens e quais situações exigem sua realização, é hora de entender como executá-lo. Como não poderia deixar de ser, o primeiro passo é ganhar um entendimento maior do problema.

Seja pela realização de uma análise SWOT ou por qualquer outro método, identifique as ameaças e oportunidades da empresa no mercado. Além disso, busque insights com entrevistas aos consumidores e colaboradores. A ideia é entender se o clima organizacional é eficiente e a identidade da marca está devidamente estabelecida.

Ao fim do procedimento, você contará com um verdadeiro mapa apontando os prós e contras de tudo o que envolve sua companhia. Com isso em mãos, basta elaborar estratégias certeiras para explorar as vantagens e combater as desvantagens.

Mas não é só isso que pode ajudar você no diagnóstico de marketing da sua empresa. A seguir, mostramos com mais detalhes o que deve ser observado nesse momento.

Diagnóstico de marketing como fazer?

Briefing

Na hora de elaborar o briefing, você precisa pensar no histórico da empresa, nas suas maiores dores e nos seus objetivos. Levando isso em consideração, é possível identificar seus pontos fortes e fracos e, inclusive, as oportunidades da marca. Logo, esse documento precisa conter:

  • seus objetivos de longo e curto prazo;
  • quais são seus concorrentes, tanto os diretos quanto indiretos;
  • a cultura da empresa;
  • o orçamento disponível para investir em estratégias de marketing;
  • a sua estrutura interna;
  • quais plataformas são usadas para prospectar clientes e aumentar suas vendas etc.

Presença digital

Nesse momento, você precisa analisar os seus canais de comunicação online, a fim de observar a qualidade do atendimento prestado. Acredite, muitas empresas acabam perdendo muito dinheiro porque simplesmente não respondem mensagens de WhatsApp ou das redes sociais (direct message).

Além disso, é necessário avaliar as estratégias digitais que estão sendo usadas. Por exemplo, se você vende produtos de beleza, seria interessante conversar com influenciadores digitais ou até mesmo microinfluenciadores — a depender da quantidade de pessoas que deseja alcançar — para formar uma parceria e, com isso, aumentar o tráfego para o seu site.

É claro que esse é só um exemplo de estratégia das várias que existem no mercado. Acima de tudo, o mais importante é analisar qual delas faz mais sentido para o seu negócio. Ao fazer essa análise, você consegue metrificar os resultados e entender qual estratégia é mais interessante para divulgar o seu produto.

O site da sua empresa também precisa passar por uma análise criteriosa. Nesse momento, verifique se seu site e loja virtual são mobile friendly, logo:

  • se não demora para carregar;
  • se disponibiliza todas as informações que o seu público precisa de maneira fácil e sem complicações;
  • se a navegação por mobile é funcional e oferece boa experiência ao usuário etc.

Lembre-se também de analisar o seu SEO, sigla para otimização de motores de busca, a fim de identificar como está o seu posicionamento nesses mecanismos, se as palavras-chaves utilizadas fazem parte da sua estratégia, entre outras questões.

Por fim, observe o desempenho dos seus anúncios. Dessa forma, é possível otimizar as campanhas para que mais pessoas (dentro do seu público-alvo) sejam alcançadas.

Identificação dos pontos fortes e fracos

Para identificar seus pontos fortes e fracos, você precisa passar por 5 etapas muito importantes, que são:

  • atração: nesse momento, é importante identificar as suas oportunidades de atração de potenciais clientes, por meio dos seus canais de comunicação;
  • conversão: após realizada a atração, você deverá entender se o tráfego está trazendo leads qualificados, portanto, pessoas que realmente têm interesse no que você vende;
  • relacionamento: entenda como a sua marca tem se relacionado com o seu público, a fim de identificar gargalos na comunicação;
  • vendas: identifique quais melhorias podem ser feitas no seu processo de vendas. Tente humanizar ao máximo a sua comunicação, evitando templates prontos;
  • resultados: monitore as suas métricas e otimize seu processo de análise de dados.

O diagnóstico de marketing pode ser o diferencial necessário para a empresa decolar. Com tanta importância, o processo precisa ser tratado como um investimento e, por isso, deve ser realizado por profissionais com excelência comprovada no assunto. A Bertholdo conta com mais de 20 anos de experiência e é referência em consultoria e Commerce Marketing.

Quer realizar um diagnóstico de marketing em sua empresa e alavancar suas vendas? Entre em contato e saiba como podemos ajudar!

5/5 - (4 Votos)

Conteúdos relacionados

Rolar para cima
Rolar para cima