Você acha que o seu concorrente no ambiente virtual está vendendo mais do que você? Ou então, se deseja abrir um novo negócio online, quer saber quais são as melhores práticas já existentes? Se a sua resposta foi sim para uma dessas perguntas, precisa saber como fazer sua pesquisa simplificada de mercado no e-commerce.

Neste post, vou explicar em detalhes como fazer isso e alavancar a sua loja virtual. Esse trabalho é o passo zero para quem deseja abrir um e-commerce ou lançar novos produtos.

Talvez você ainda tenha dúvidas sobre a importância da pesquisa de mercado. Porém, eu afirmo com toda certeza de que vale muito a pena investir nesse tipo de análise tão importante. Não fique preocupado em ser algo muito complexo ou com alto custo. Tudo que vou mostrar aqui pode ser feito por você e sem exigir muito tempo ou conhecimento técnico.

Vamos apresentar uma metodologia chamada Pesquisa Simplificada de Mercado (PSM). Essa explicação ajudará a entender como determinado produto da sua loja está posicionado no mercado e, a partir dessa análise, você saberá o que manter e o que mudar. Vamos saber mais?

Como fazer pesquisa simplificada de mercado no e-commerce?

Como fazer a pesquisa simplificada de mercado no e-commerce

A realização da PSM é simples, mas precisa ser desenvolvida com bastante critério e dedicação. Talvez você esteja se perguntando agora por que ela é tão importante, o que a sua empresa tem a ver com isso e se isso vai dar muito trabalho para fazer.

Eu afirmo, com certeza, que quanto melhor for sua pesquisa simplificada de mercado, melhores serão seus resultados e as chances de sucesso.

Para otimizar seus retornos é recomendado refazer sua PSM a cada dois ou três meses, principalmente se seu mercado for muito competitivo. Lembre-se de que novos produtos ou concorrentes podem surgir a qualquer momento. Logo, a análise para monitorar a concorrência deve sempre ser um ponto de atenção.

Os objetivos da PSM são: identificar seus principais concorrentes, os produtos similares e, principalmente, apontar diferenciais para sua loja virtual. Primeiro, você precisa definir seu produto de trabalho. Esse item é aquele que você vai divulgar e acompanhar os indicadores de vendas diariamente.

Não importa quantas mercadorias a sua loja virtual venda, você deve escolher apenas uma de cada vez. O produto de trabalho deve ser aquele com maior potencial de vendas, o que você mais acredita, seu número um.

Preste muita atenção: você sempre deve ter um produto de trabalho ativo. Quando alcançar seus resultados, escolha um novo item e comece tudo de novo. Lembre-se, cada vez que selecionar um novo material para trabalhar, realize uma PSM específica para ele.

Passo a passo para criar a PSM

Confira, a seguir, o passo a passo para que você consiga criar a Pesquisa Simplificada de Mercado na sua loja virtual da melhor maneira.

Passo 1: identificar e avaliar os principais concorrentes no seu nicho de mercado

No primeiro passo, o objetivo  é identificar entre três e dez lojas virtuais que atuem no mesmo nicho que você. Para isso, realize buscas no Google utilizando pesquisas hipotéticas que consumidores fariam para encontrar o seu produto de trabalho.

Utilize palavras-chave que direcionem para os seus produtos ou serviços, sem vincular diretamente a alguma marca. Busque referências de lojas online em fóruns e blogs do segmento para saber quem são as referências para o público.

Para cada concorrente direto, é preciso avaliar os seguintes pontos:

  • O carregamento da loja é rápido?

  • Quais redes sociais a loja utiliza? Quantos seguidores?

  • Visite a página “Quem somos” ou similar. Verifique informações relevantes;

  • Qual o endereço? Qual a área de atuação/entrega?

  • Tem lojas físicas? Quantas?

  • Desde quando atua no mercado online?

  • Quais as formas de contato? Tem chat online?

  • Tem selos de segurança (exemplo: Site Blindado, Ebit etc.)?

  • Há reclamações no Reclame Aqui?

Com todas essas questões bem esclarecidas você deve definir os três melhores concorrentes do seu mercado. Vamos utilizá-los no próximo passo.

Passo 2: avaliar os itens similares ao seu produto de trabalho

O objetivo agora é avaliar os produtos dos três melhores concorrentes. Isso deve ser feito navegando pela loja virtual deles, pesquisando por itens similares ao que você escolheu para trabalhar.

Na página do produto similar, avalie os seguintes pontos:

  • Verifique a qualidade da descrição e título. O texto é claro e completo?

  • Quantas fotos? Qual a qualidade das fotos?

  • O produto conta com algum vídeo?

  • Apresenta as principais características do produto?

  • Ensina como utilizar o produto ou apresenta sugestões de uso?

  • Descreve os diferenciais e principais benefícios?

  • O produto está disponível em estoque?

  • Qual o preço? Existe alguma promoção?

  • Oferece promoções do tipo combo ou “compre junto”?

  • Sugere outros produtos relacionados? Esses produtos são relevantes?

  • Tem avaliações de clientes? As dúvidas são respondidas?

Passo 3: avaliar a experiência de compra nas lojas dos seus concorrentes

O objetivo do terceiro passo é avaliar o processo e a experiência de compra nas lojas dos três melhores concorrentes. A avaliação deve incluir o carrinho de compras, checkout, meios de pagamento, frete, entrega e pós-venda.

Para fazer isso, simule a compra de um dos produtos identificados no passo anterior. Caso seja possível, finalize a compra e avalie também o processo de entrega e pós-venda.

Avalie os seguintes pontos:

  • O processo de compra é simples, rápido e intuitivo?

  • Quais as condições de pagamento oferecidas?

  • Existe algum desconto adicional (pagamento à vista ou boleto, por exemplo)?

  • Oferece desconto por volume?

  • Quais as formas de pagamento oferecidas? Facilitadores, cartão, boleto?

  • Quais as formas de entrega? Trabalha com alguma transportadora?

  • Qual o prazo de entrega?

  • Qual o valor do frete?

  • Envia e-mail, sms, WhatsApp ou push sobre o status da entrega?

  • O prazo de entrega foi respeitado?

  • O produto e a embalagem eram adequados?

  • Há o envio de promoções após a realização da compra? E cupons de desconto?

  • Envia sugestões de produtos para novas compras?

Com esses três passos você certamente obterá informações valiosas sobre o posicionamento dos seus concorrentes no mercado, a forma com que eles oferecem os produtos ou serviços no e-commerce e seus diferenciais.

Depois dessa análise, a sua empresa terá a possibilidade de avaliar o que precisa ser alterado no seu processo e produtos.

Empresas que investem em pesquisa de mercado

Investir em pesquisa e desenvolvimento é um sinal de constante preocupação em oferecer melhores produtos e serviços para o público. Em um ranking que levantou os maiores investimentos feitos, o resultado ficou da seguinte forma:

  • Amazon, US$ 22,6 bilhões;

  • Alphabet (Empresa dona do Google), US$ 16,2 bilhões;

  • Volkswagem, US$ 15,8 bilhões;

  • Samsung, US$ 15,3 bilhões;

  • Intel, US$ 13,1 bilhões.

Esses investimentos estão relacionados com as pesquisas e desenvolvimentos em geral, mas fica clara a preocupação dessas marcas em buscar inovação e melhorias.

Não se assuste com valores exorbitantes. Neste post estamos falando da pesquisa simplificada de mercado. Afinal, você pode obter grandes insights fazendo compras no e-commerce de seus principais concorrentes e avaliando todos os pontos de interação e experiência.

O investimento necessário para fazer essas análises certamente serão pagos com o aumento das vendas trazido pelas melhorias implantadas.

pesquisa simplificada de mercado para ecommerce

Dicas finais sobre pesquisa simplificada de mercado para e-commerce

A pesquisa simplificada de mercado no e-commerce pode ajudar quem deseja montar um negócio online, mas também lojas virtuais que simplesmente não vendem. Eu chamo isso de loja virtual travada. Então, não perca tempo. Aplique a PSM na sua loja virtual.

Para qualquer empresário do e-commerce é essencial monitorar constantemente a concorrência. Por isso, apresentamos uma metodologia simples para realizar análises de monitoramento da concorrência. Basta seguir o passo a passo que mostramos. Não fique se perguntando: por que meu concorrente vende tanto? Faça sua PSM e descubra você mesmo.

Devemos deixar claro que não estamos falando de simplesmente copiar aquilo que seus concorrentes estão fazendo. Não é isso! Aqui, queremos analisar as melhores práticas e aplicar aquilo faz sentido para o seu negócio. Afinal, se determinada prática funciona para os concorrentes também pode gerar bons resultados para você (quem sabe até resultados melhores).

Fica a nossa dica final: tenha sempre um produto de trabalho muito bem definido e realize pesquisas simplificadas de mercado periodicamente.

Fique atento ao seu mercado e monitore seus concorrentes. Você poderá encontrar novas ideias e padrões de qualidade para o seu negócio. Essa estratégia é ótima para profissionalizar o seu e-commerce!

Agora que você já sabe como fazer a Pesquisa Simplificada de Mercado no e-commerce, confira nosso outro conteúdo que fala especificamente sobre a importância da pesquisa para a sua empresa.

(Visited 2.876 times, 6 visits today)