O e-commerce evoluiu muito nos últimos anos. Junto com esse segmento de negócio, vimos crescer também as exigências do consumidor. O constante avanço da tecnologia faz com que as pessoas busquem cada vez mais praticidade e rapidez em seu relacionamento com as empresas.

Diante desse contexto, o mercado vai se adaptando para oferecer aquilo que os consumidores procuram. Quando falamos de varejo e lojas virtuais, existe um conceito que é muito interessante e pode ajudar o seu negócio a se destacar da concorrência. Neste artigo, vamos falar da relação entre e-commerce e Omnichannel. Confira!

O que é o Omnichannel?

Trata-se de uma estratégia que consiste em integrar todos os canais de uma empresa, com o objetivo de oferecer uma experiência completa ao consumidor. Em outras palavras, é quando seu cliente não enxerga barreiras entre sua loja física e virtual – a visão que ele tem da sua empresa é única.

Imagine a seguinte situação: a cliente comprou um vestido na sua loja virtual e deseja efetuar a troca. Ela trabalha perto da sua loja física, então, é mais vantajoso ir trocá-lo pessoalmente.

Oferecer essa opção aos seus consumidores é um exemplo de Omnichannel, pois não existe barreira entre o mundo online e off-line. Todos os canais estão conectados e prontos para atender o cliente da forma que ele preferir.

E-commerce e Omnichannel: quais são os próximos passos do mercado?

Quais são as vantagens do Omnichannel?

Agora que você conferiu o que é o Omnichannel, veja suas principais vantagens:

Como implantar o Omnichannel no e-commerce?

Todas as áreas do negócio devem estar envolvidas para garantir que o consumidor tenha a mesma experiência em todos os seus canais de venda.

O primeiro passo é pensar em soluções tecnológicas que consigam integrar sistemas e oferecer uma visão única ao cliente. É ideal que todas as interações sejam registradas, seja na loja física, virtual, aplicativos ou SAC.

O trabalho da equipe de marketing é fundamental nesse projeto que envolve o e-commerce e o Omnichannel. É necessário fazer a segmentação de clientes, identificando as necessidades de cada grupo para desenhar o fluxo de venda ideal.

Pense como o seu público-alvo: eles têm facilidade para realizar a troca online? Costumam ter muitas dúvidas sobre os produtos? Traçar esse perfil é importante para definir os processos.

Com esse volume de informações em mãos, é hora de iniciar uma estratégia de comunicação. Utilize as redes sociais, o e-mail marketing e o Google Adwords para destacar que a marca oferece facilidades na compra. Aproveite a segmentação para enviar a mensagem para cada perfil específico, aumentando as chances de conversão.

A implantação do Omnichannel é um desafio, mas pode ser a solução para melhorar o desempenho das suas lojas física e virtual. Realizar esse investimento é uma maneira de se destacar do mercado, atrair mais clientes e fortalecer a sua marca.

Agora que você já sabe qual é a relação entre o e-commerce e Omnichannel, é só aplicar essa estratégia no seu negócio para otimizar as suas vendas e, consequentemente, seu faturamento.

Gostou do conteúdo? Então, siga-nos no Facebook e no Youtube e fique por dentro das novidades no e-commerce!

(Visited 34 times, 2 visits today)