Vantagens do PIX para e-commerce

PIX para e-commerce: vantagens e dicas para o seu negócio

O PIX para e-commerce chegou para facilitar as suas vendas, tornando mais rápido e prático o recebimento de pagamentos e, assim, destravando o seu estoque. E, olha, essa é apenas uma das vantagens em escolher essa opção de faturamento para a sua loja virtual.

Nesse conteúdo, vamos te contar mais sobre essa modalidade. Além do PIX, há outras formas de pagamento para e-commerce, que você pode conferir aqui

Vantagens do PIX para e-commerce

O que é PIX

Antes de mais nada, vamos entender o que é esse termo. Temos um texto completo sobre o assunto. Clique e veja! Aqui, vamos fazer um breve resumo para te contextualizar e seguirmos em frente, combinado?

O PIX, lançando em 2020, chegou ao Brasil como um meio de pagamento que possibilita transações entre diferentes bancos, disponível 24 horas por dia e 7 dias na semana. Tudo é feito online e de maneira instantânea. Em apenas 10 segundos, o dinheiro cai em conta e sem nenhum tipo de taxação, como acontece quando fazemos um DOC para uma instituição financeira distinta da nossa.

Por toda essa facilidade, a ideia ganhou os brasileiros! Se pensarmos bem, muitos de nós gastávamos, antes do PIX, cerca de R$ 10 por transferência bancária. Você já parou para pensar nisso e fez as contas do quanto você perde em investimentos no mês e até mesmo ao ano? É bastante dinheiro!

PIX: como e quem pode utilizar a novidade 

Logo chegaremos ao tópico do PIX para e-commerce. Vamos entender, primeiro, quem pode usar e abusar da inovação. Confira!

As transações efetuadas pelo PIX poderão ser:

  • Entre pessoas físicas;
  • Entre pessoas físicas e locais comerciais;
  • Entre estabelecimentos;
  • Para instituições governamentais, como é o caso de pagamentos de impostos. 

Para usar o PIX é preciso que o pagador (a pessoa que enviará o dinheiro) e o recebedor (quem receberá a quantia) tenham uma conta ativa em algum banco brasileiro, instituição de pagamentos ou fintechs (facilitadores financeiros digitais). 

Mas, é necessário que a conta seja corrente? A boa notícia é: não. As transações podem ser feitas para conta poupança. Muito prático e acessível, não é mesmo? Uma boa para quem pretende implementar PIX para e-commerce.

Vantagens e impacto do PIX para e-commerce

Como contamos acima, transferir dinheiro sem custos e a qualquer momento são os grandes diferenciais do PIX. Por não haver taxação na hora do envio do valor, muitas instituições financeiras que ofertam cartões de crédito para empresas estão estudando uma forma de diminuir os custos de manutenção e utilização, afinal, do contrário, elas não conseguirão se manter no mercado.

E as vantagens não param por aí e beneficiam ambos os lados: consumidores e lojistas, principalmente os pequenos e médios, que ficam com estoques travados quando o meio de pagamento escolhido é o boleto – que leva dois dias para compensação. 

Veja mais detalhes abaixo e aproveite o PIX para e-commerce:

  • Facilidade nos fluxos de caixa da loja virtual: com a liquidação imediata, já que os pagamentos são feitos em tempo real, o empresário consegue acompanhar melhor o fluxo de caixa e a saúde do negócio;
  • Diminuição de desistências de pagamentos feitos por boleto: muitas pessoas escolhem o pagamento via boleto bancário por não terem cartão de crédito ou pouparem o limite do mesmo. Assim, a opção mais viável é o boleto bancário. Porém, muitos abandonos de compra são feitos porque esse meio, que permite o consumidor a pensar e a desistir da compra, por exemplo. Para além disso, a compensação é feita após dois dias. Resultado: perda de vendas, entrave no estoque e dificuldade para acompanhar o fluxo de caixa;
  • Maior poder de negociação para empresários: com o PIX para e-commerce, a tendência  é que as instituições financeiras diminuem os custos atuais. Vamos acompanhar esse movimento!
  • Mais pessoas conseguindo comprar na internet: o Brasil ainda é um país desbancarizado. Por isso, parte da população, antes do PIX, ficava impossibilitado de comprar pela internet. Como os pagamentos podem ser feitos até mesmo com conta poupança, e os bancos digitais são mais acessíveis para a entrada de novo público, tudo fica mais viável!

Saiba como abrir conta digital para e-commerce. Temos um conteúdo completo. É só clicar aqui!

Como disponibilizar o PIX para e-commerce como meio de pagamento

Agora que você já entendeu tudo sobre o PIX e as vantagens que ele traz a sua loja virtual, vamos ver como inserir a ideia no seu negócio, de maneira prática.

Para utilizar o PIX para e-commerce, você deverá disponibilizar essa opção na tela de pagamentos. Ao selecioná-lo, o consumidor utilizará uma chave de identificação, que geralmente é o CNPJ ou e-mail do seu negócio. Você também pode inserir um QR Code na tela de Checkout. Para ter acesso a ele é bem simples: é só solicitar a opção junto ao aplicativo do seu banco de origem.

A partir disso, o consumidor poderá fazer o pagamento da maneira que preferir e o pagamento, em poucos minutos, estará em conta!

Aproveite a facilidade do PIX para e-commerce e abra uma loja virtual

Se você está lendo esse texto e ainda não tem um e-commerce, temos uma ótima notícia: nós, da Berthodo, estamos no mercado há mais de 20 anos e te ajudamos em todos os processos da abertura da sua loja virtual.

Faça contato com a gente e converse com o nosso time de especialistas. Garantimos todo o suporte para as suas tomadas de decisões. Aproveite o crescimento do e-commerce e tenha o seu próprio negócio.

Gostou de saber mais sobre PIX para e-commerce? Compartilhe o conteúdo com seus colegas de trabalho! #VempraBertholdo 

Conteúdos relacionados

Rolar para cima