Como criar loja virtual no Instagram

Loja Virtual no Instagram: passo a passo para criar e divulgar

Mais do que uma simples rede social voltada para o lazer e diversão, o Instagram se tornou uma ferramenta de marketing para empresas, surgindo assim o conceito de loja virtual no Instagram.

Com 1 bilhão de usuários ativos por mês, em todo o mundo, e um engajamento maior que o do Twitter, essa plataforma permite que qualquer negócio fortaleça sua marca e crie relacionamentos com seus seguidores.

no Brasil são 64 milhões de pessoas ativas nesta rede social. O país está no 3º lugar do ranking mundial de usuários no Instagram, perdendo apenas para os Estados Unidos, com seus 121 milhões de perfis, e para a Índia, com 71 milhões.

Por tudo isso, mesmo que seja fundamental desenvolver ferramentas nativas que propiciam divulgar os seus produtos de maneira eficaz, o Instagram serve como uma das principais estratégias de Marketing para e-commerce, independentemente do segmento do negócio.

Continue lendo o artigo e descubra o que é uma loja no Instagram, veja 7 passos para divulgar sua loja virtual nessa rede social e alcançar ótimos resultados, além de dicas sobre o que não fazer.

Como criar loja virtual no Instagram

Entenda o que é uma loja virtual no Instagram

Uma loja no Instagram é uma possibilidade oferecida pela rede social para que seus usuários com perfil de negócios possam vender os seus produtos na rede usando uma vitrine de loja e direcionando o prospect para a realização de compras online.

Com foco no conteúdo visual, o Instagram é uma excelente opção para expor os produtos de uma loja virtual, ampliando os canais de vendas para o público. A boa notícia é que você pode ter a sua vitrine dentro da própria plataforma, engajando a sua audiência e fazendo conversões sem que o usuário precise sair da rede social. 

Assim, é possível fazer postagens com o link para a sua loja no Instagram. Veja abaixo como entrar na plataforma e divulgar os seus produtos por lá! Spoiler: é super fácil!

Como montar uma loja no Instagram?

Se você gostou da ideia de ter uma loja no Instagram, complementando os resultados da sua loja virtual, é preciso ter um cadastro na rede social. veja os principais passos que você deve seguir.

  1. Cadastre-se na rede social — para ter uma loja primeiro é preciso se cadastrar com um perfil empresarial ou converter seu perfil pessoal de negócios.
  2. Escolha um bom nome — o ideal é que esse nome remeta à sua marca, afinal, caso o cliente clique em “comprar agora”, ele será direcionado para o seu e-commerce.
  3. Pense no seu público — é importante adaptar a linguagem ao usar o Instagram, pois nessa rede social as imagens precisam transmitir mensagens. Mesmo assim, não vale uma cena bonita se ela não for coerente para quem compra seus produtos. Desenvolva suas estratégias de acordo com a sua audiência.
  4. Fique de olho na concorrência — esse passo é fundamental por dois motivos: você não faz no mais do mesmo e consegue antecipar tendências, surpreendendo o mercado.
  5. Destaque-se — todos estão conversando por imagens no Instagram. E se você revende um produto é possível que encontre fotos idênticas publicadas por mais de uma loja. Faça produções autênticas que mostrem seus produtos.
  6. Ofereça conteúdos relacionados ao produto — é preciso ter pelo menos 9 posts na loja para que a guia de compra fique ativa. Além disso, a produção de conteúdos ajuda seus futuros clientes a perceberem diferentes perspectivas do produto e aumentar o engajamento com a sua marca.
  7. Foque na produção visual — lembre-se de que o objetivo da loja do Instagram é fechar a venda. Crie imagens bonitas, com boa resolução, foco e que tenham o produto tem evidência.

10 passos para divulgar sua loja virtual no Instagram e alcançar ótimos resultados

1. Promova seus produtos de maneira criativa

As fotos de produtos sempre foram essenciais para compras online, e plataformas como o Instagram elevam isso para outro nível. Os consumidores consideram imagens detalhadas de produtos tão valiosas quanto informações técnicas ou mesmo a opinião de outros compradores.

Por isso, compartilhe as imagens de suas mercadorias de maneira com que elas chamem atenção e que tenham personalidade. 

Abaixo, um exemplo simples de foto de fácil produção, que é sempre utilizado pela marca Quem disse, Berenice, que comercializa produtos de beleza.

Qual o foco da mensagem? Mostrar que a empresa comercializa pincéis de maquiagem, de vários tipos e com design moderno e elegante. A foto nos transmite exatamente essa mensagem. 

instagram-foto-quem-disse-berenice

Tenha qualidade profissional

Certifique-se que suas imagens reflitam todo o profissionalismo de sua marca. Isso significa ter fotos de alta qualidade, mesmo que elas sejam tiradas com uma câmera de celular.

Evite imagens com baixa resolução, sem a luz adequada e ângulos ruins ou distorcidos. Tudo isso te faz perder pontos com seus seguidores, já que transmite uma falta de cuidado na apresentação do produto, que será refletida em todo o processo de venda e pós-venda. 

Use os APPs de edição e filtros do próprio Instagram para melhorar suas fotos. Há vários aplicativos no mercado em muitos são gratuitos. Experimento o Vsco e o A Color Story. 

2. Inclua hashtags

As hashtags agrupam suas postagens em comunidades ligadas por uma palavra-chave. Esse é um recurso importante para aumentar a vida útil de suas postagens e torná-las mais fáceis de serem encontradas.

Procure por hashtags populares e tendências, mas não algo muito genérico como #Fashion, que tem sido usada 146 milhões de vezes. Se fizer isso, sua foto corre o risco de ficar perdida em um mar de conteúdo.

Você também pode criar uma hashtag para a sua loja virtual. Dessa maneira, você criará uma comunidade de fãs do seu e-commerce dentro do Instagram.

3. Poste fotos que capturem a cultura de sua marca 

Ninguém entra no Instagram pensando em fazer compras, isso é uma consequência. Por isso, você precisa se concentrar em agregar valor à sua marca e aos seus produtos.

Uma boa dica é postar fotos que remetam ao estilo de vida da sua empresa, assim como mensagens que sejam empáticas.

Use cenários que possam inspirar, por mais simples que sejam, e também utilize pessoas reais para que seus seguidores visualizem seus produtos em um contexto. Marcas como a Nike, utilizam esse conceito em 60% de seus posts.

Outra empresa que faz isso com maestria é a Dove, que vende a mensagem da autoestima feminina. Mais do que comercializar sabonetes, cremes e shampoos, a marca trabalha com o lado emocional das mulheres.

Ou seja, a apresentação não deve ser só de seus produtos, mas também da cultura e estilo que os cercam. Isso fortalece a imagem da sua marca e cria bons sentimentos relacionados a ela.

Todo o tipo de beleza tem espaço no Instagram da Dove

4. Use a ferramenta dos Stories

Uma das forças do Instagram está nos stories! Com vídeos de até 15 segundos, que ficam no ar por 24 horas, você pode lançar um produto, contar e mostrar como foi criada determinada ideia, fazer enquetes com os seus seguidores, responder perguntas e muito mais!

Os Stories são, atualmente, a forma mais eficaz de estar próximo do seu consumidor. Além disso, se você tiver mais de 10 mil seguidores, essa ferramenta permite com que links diretos sejam compartilhados por lá, levando a pessoa para a página que você quer converter.

Utilize essa facilidade sem medo. Faça pequenos testes e sinta os resultados conhecendo quem mais importa para você: o seu cliente.

5. Faça promoções e ofertas exclusivas para seguidores

Utilize o feed e os stories para que os seus seguidores ganhem bônus e tenham acesso às ofertas especiais e cupons de desconto.

Cerca de 41% dos usuários do Instagram seguem ou seguiriam uma marca para tirar proveito de regalias e brindes.

Use isso como uma maneira para ganhar seguidores reais, já que muitos perfis estão sendo penalizados, pelo próprio Instagram, por utilizarem robôs como forma de obter crescimento e engajamento — todos falsos, claro.

Uma dica? Faça colaborações com marcas do seu segmento (desde que não sejam concorrentes diretos) e segmentos similares. Criem, juntos, uma campanha onde as pessoas poderão marcar amigos, seguir os perfis e, assim, participarem de um sorteio.

6. Compartilhe o conteúdo de seus seguidores em seu perfil

Incluir o conteúdo de seus seguidores, que marcaram a sua @, em seu próprio feed e stories traz bons sentimentos, que são automaticamente associados à sua marca.

Além de gerar aproximação e empatia, os usuários se sentem honrados quando a empresa que gostam os enxergam. Todos nós queremos ser vistos de alguma maneira e, por isso, nenhuma menção é feita à toa, tenha isso em mente.

No final, você cria mais uma maneira de falarem da sua marca de graça, viralizando os seus produtos através da voz quem mais importa: seus consumidores.

7. Faça legendas que promovam a interação

Suas fotos podem ser boas, mas sem uma legenda eficaz, você não alcançará todo o potencial de engajamento.

Brinque com seus seguidores, pergunte o que acham de determinado assunto, peça que contem as suas histórias. Mais uma vez, lembre-se de que pessoas gostam de serem ouvidas.

8. Aproveite a dinâmica da ferramenta Reels

O Reels, ferramenta de vídeo similar ao TikTok, chegou ao Brasil no segundo semestre de 2020 e já é um sucesso entre os usuários do Instagram. 

Com duração de 15 segundos, as pequenas produções podem ser feitas com filtros divertidos, música e dublagens. Além das marcas, personalidades – até políticas – têm aproveitado a ideia para criar interação e aproximação por meio da produção de conteúdo com mais autenticidade.

Ou seja, mesmo se o seu público for maduro, há como montar estratégias no Reels. Utilze para responder dúvidas de clientes de maneira divertida, mostre novos produtos através de clipes rápidos e apor aí vai. Aaproveite a criatividade!

O Reels é bem fácil de usar e toda a edição é feita por ele. Ah, uma curiosidade: antes de ser liberado para todo o mundo, a ferramenta foi testada no mercado brasileiro. Que poder, hein?

9. Conte histórias no IGTV

Já o IGTV é uma maneira de contar histórias mais longas, sem os cortes dos stories. Quer divulgar uma campanha de 5 minutos? Publique no IGTV. Quer ter uma conversa com seus clientes, contando sobre os diferenciais da sua loja virtual? Use e abuse do IGTV.

Além do FEED, existe a aba do IGTV, onde os usuários poderão encontrar os vídeos em seu perfil. Para deixar mais organizado, há a possibilidade de inserir uma capa para ele, tornando, ainda mais fácil, a identificação por tema/assunto.

10. E as lives? Vale a pena?

O ano de 2020 foi, definitivamente, a época das lives no Instagram. Com tantas delas acontecendo, surge a pergunta: ainda vale a pena investir na ideia?

Vale! Porém, fique atento ao tema, de maneira com que os seus cliente não entrem nas transmissões sem nenhum diferencial.  A dica é contar alguma novidade através das trocas ao vivo, fazer promoções relâmpagos ou mostrar os bastidores de alguma campanha. 

O tempo de duração é de 1 hora, mas há perfis que têm autorização para transmissões de até 4 horas. Aproveite com moderação!

Descubra os maiores erros em campanhas no Instagram

Além de ser fundamental planejar o que fazer para ter sucesso com as suas ações nessa rede social, é importante saber o que não fazer. Confira a seguir o que deve ser evitado nas suas estratégias para Instagram:

  • imagens com muito texto — é importante estar atento para o conteúdo visual, palavras e até mesmo frases devem servir como algo que acrescente e não polua suas fotos;
  • Postar muito durante o dia (no feed) ou ficar sumido das redes por muito tempo. Esteja presente na rede social pelo menos uma vez por dia e, fora do período intenso de campanhas, opte por no máximo 4 novas postagens no feed. Além da frequência ser importante, o conteúdo apresentado deve ser relevante e coerente;
  • poucas hashtags. Sim, elas devem ser pequenas, simples, impactantes e relevantes para seu público. Mas quanto mais hashtags você usar, melhor.
  • Não interagir com os seguidores. O grande sucesso das redes sociais é a troca entre os lados, por isso, não deixe seu cliente sem retorno, mesmo que ele tenha deixado “apenas” um emoji na foto. Fique de olho também no direct. Muitas vendas podem ocorrer por lá.
  • Não aproveitar as ferramentas disponíveis para além do feed. Como contamos acima, fazer muitas postagens no feed não é tão benéfico, já que pode cansar o usuário caso o seu negócio não tenha o que divulgar com tamanha frequência por lá. Mas, você pode utilizar os stories todos os dias, além de produzir conteúdos no Reels e IGTV, por exemplo.  

Saiba porque o Instagram pode gerar ótimos resultados para seu e-commerce

Assim como uma loja virtual, o Instagram tem um foco nas imagens (sejam estáticas ou mesmo vídeos curtos). Esse é o principal mecanismo de venda: apresentar para o cliente potencial todos os detalhes das soluções que você oferece, produtos ou serviços. Com um grande número de usuários ativos, além de divulgar seu e-commerce e gerar tráfego, você ainda consegue vender usando a própria plataforma.

Viu como uma loja no Instagram pode ajudá-lo a divulgar sua loja virtual e atrair novos clientes? Além disso, como explicamos, essa rede social possui formas de vender o seu produto dentro da sua plataforma. O importante é criar estratégias para atrair e engajar o seu público, destacando seus produtos e serviços.

E você? Já utiliza a loja virtual no Instagram no seu negócio? Pretende começar a divulgar o seu e-commerce nessa plataforma? Conta para a gente sua experiência nos comentários! 

Conteúdos relacionados

Rolar para cima