Éis a pergunta que não quer calar: quanto custa abrir uma loja virtual? Se esse é o seu desejo, e não sabe muito bem como começar, fique com a gente!

Quanto custa abrir uma loja virtual?

Por que abrir um e-commerce?

É inegável a força do comércio digital nos tempos atuais e, além disso, temos que frisar que este setor ainda tem muito a crescer.

Só no Brasil, o comércio eletrônico representa 4% do varejo tradicional. Já nos Estados Unidos, esse índice é de 20%. Então, por aqui, ainda há muitas oportunidades para quem está entrando no mercado.

Qual o custo inicial para abrir uma loja virtual?

Agora que você quer ter um e-commerce, vamos ressaltar alguns detalhes relevantes e que podem passar despercebidos pela maioria dos lojistas que começam a vender online.

Marketplace: quanto investir

Se a sua escolha é o modelo já consagrado de marketplace, o seu investimento será baixo, já que esse tipo de formato, uma espécie de shopping virtual, já terá toda uma estrutura e logística para comportar os seus produtos.

Outro ponto positivo é que os grandes marketplaces já possuem um público acostumado a comprar por lá, o que diminuirá os seus gastos com divulgação.

Sendo assim, ao optar por um marketplace, você irá se preocupar com a escolha do seu negócio: o que irá vender,  qual preço firmar para cada produto, qual será a margem de lucro utilizada, entre outros.

O custo gira em torno de 16% do valor bruto de cada venda. Isso mesmo, nos marketplaces, você paga no modelo de comissão sobre as vendas realizadas.

Agora, se você quer ter o seu próprio e-commerce, sem pagar comissão, sem utilizar plataforma de terceiros, você precisará abrir a sua loja virtual. Aqui, vamos falar sobre duas opções: loja virtual Magento e Plataforma de E-commerce SaaS.

Loja virtual Magento: quanto investir

O Magento é  a plataforma de e-commerce mais utilizada em todo o mundo. Para saber mais sobre ela, clique aqui.

O seu principal diferencial é ser escrito em PHP, que é uma linguagem de script código aberto, muito utilizada pelos programadores. Em resumo, você não pagará nada para ter o sistema, mas…. será necessários ter bons desenvolvedores, porque nem tudo é tão simples assim.

Para resolver esse problema, sugerimos a contratação de uma empresa especializada em Magento, que ficará responsável por construir a sua loja virtual, por meio de módulos fornecidos pela própria empresa ou por terceiros. 

Pensado a partir de módulos independentes, o Magento permite que o usuário crie novas funcionalidades, sempre dentro das suas necessidades, tornando a plataforma dinâmica e ideal para diversos tipos de negócios.

Então, nesse caso, os principais custos serão destinados à contratação de um servidor de hospedagem e de uma empresa especializada em Magento. Esse último item, geralmente, será feito por meio de uma mensalidade que, com certeza, caberá no seu bolso. Os valores das mensalidades variam de 200 a 2.000 reais de acordo com os requisitos do seu projeto.

Vale dizer que a Bertholdo atende esse tipo de demanda, com um time fera no assunto, que oferece suporte completo antes, durante e depois de publicar sua loja virtual. 😉

Plataforma de E-commerce SaaS: quanto investir

O termo SaaS significa “Software as a Service”, que em português pode ser traduzido como “software como serviço”. Esse tipo de serviço funciona como um software ou sistema disponibilizado por uma empresa, que pode ser utilizado por meio de uma conexão à internet.

Os SaaS são sites e sistemas que usam a computação em nuvem, que antes eram possíveis somente por meio de programas específicos, instalados em um computador local. Para saber mais, clique aqui.

A principal vantagem do SaaS é que ele não necessita de um servidor, já que tudo será arquivado em nuvem. Mas, aqui, também é válido ter uma empresa especializada no assunto, te acompanhando, já que problemas podem ocorrer a qualquer momento e você não quer perder vendas, certo?

Nos Planos SaaS, as mensalidades variam de 30 a 1.000 reais de acordo com os requisitos do projeto, volume de acessos mensais e espaço de armazenamento utilizado. Alguns fornecedores também limitam a quantidade de produtos que podem ser cadastrados.

Para não ficar dúvida, conheça os principais tipos de plataforma, clicando no link anterior.  

A Bertholdo oferece planos SaaS tanto na plataforma Magento quanto WooCommerce.

Quanto custa abrir uma loja virtual?

Nesse post, focamos apenas nos custos diretos relativos a plataforma. É obvio que existem diversos outros custos para abrir uma loja virtual, como divulgação, funcionários, estoque, etc. Fizemos assim, pois essa é a principal dúvida que recebemos: quanto custa a plataforma de e-commerce?

Gostou das dicas? Estamos à disposição para te ajudar a escolher a melhor opção para o seu negócio! Faça contato conosco.

Ah.. independente da escolha, não esqueça de produzir boas fotos, fazer ótimas descrições dos produtos e caprichar no pós vendas, ok?

Boas vendas!!!

(Visited 1.841 times, 5 visits today)