Você sabia que uma das principais causas do fechamento das empresas é a falta de planejamento financeiro? Essa análise é extremamente importante, ainda mais agora que estamos chegando na virada do ano. Então, se você ainda não fez, está na hora de montar o planejamento financeiro para o seu e-commerce!

Neste artigo, mostraremos os principais pontos que devem ser levados em consideração no seu planejamento financeiro para que você tenha sucesso. Confira!

Planejamento financeiro 2020

Por que fazer um planejamento financeiro para e-commerce?

Planejar o seu e-commerce financeiramente é fundamental para criar uma estrutura para que seu negócio, além de conquistar estabilidade e se manter, possa também crescer.

No Brasil, 25% das empresas fecham as suas portas antes mesmo de completarem 2 anos. Na maioria dos casos, esse triste cenário é explicado pela falta de planejamento financeiro.

O planejamento é feito para evitar problemas futuros, que podem comprometer a saúde financeira do negócio. Este trabalho engloba os objetivos, a análise dos custos, a projeção da receita e o planejamento dos investimentos.

Veremos, no próximo tópico, uma explicação sobre cada um desses pontos.

Como fazer um bom planejamento financeiro para 2020?

Faça um levantamento das metas para o próximo ano

Se você quer que 2020 seja um ano de conquistas importantes, é preciso criar o planejamento financeiro para e-commerce agora. Para isso, um ponto fundamental é estabelecer as metas para o ano que vem.

Escrever as metas é interessante pois, assim, você e toda a sua equipe podem desenvolver uma ideia do que pretende-se alcançar e o que será preciso colocar em prática em relação a recursos e investimentos.

Tenha muito cuidado na definição das metas. Lembre-se que elas devem ser alcançáveis, mensuráveis, temporais, relevantes e específicas. Com essas características, elas se tornam possíveis e muito interessantes.

Planejamento financeiro para e-commerce

 

A grande maioria dos donos de e-commerce utiliza pelo menos uma das seguintes metas:

  • Faturamento Mensal: o valor a ser faturado em cada mês é definido levando-se em consideração as sazonalidade do segmento de atuação. Essa meta possui fácil definição e o controle é bastante simples. Se você não definiu nenhuma meta ainda, comece por aqui.
  • Número de pedidos: outra ótima opção é definir quantos vendas deverão ser geradas a cada mês ou semana. Também pode-se optar por uma meta diária, porém o controle é mais complexo.
  • Tíquete médio: outra meta simples e efetiva é o valor médio dos pedidos. A sugestão é definir uma meta de tíquete médio mensal também considerando a sazonalidade. Lembre-se que essa meta deve estar de acordo com as duas anteriores. Na verdade, ao dividir a meta de faturamento pelo número de pedidos, obtemos a nossa meta de tíquete médio.

Existem diversas outras metas que podem ser definidas para uma loja virtual. Porém, estas são simples e não podem faltar no seu planejamento financeiro. 

Crie projeções de receita e custos

A partir dos objetivos que você traçou, será possível criar uma projeção da receita gerada.

Em paralelo a isso, avalie os seus custos atuais, considerando os valores fixos e os variáveis. Faça, também, uma projeção desses valores para o próximo ano.

Comparando a receita com os custos futuros, é possível ter uma percepção da situação financeira do e-commerce, juntamente com a margem de lucro.

Planeje os seus investimentos

Planeje os investimentos do seu e-commerce

Por fim, para criar um bom planejamento financeiro para e-commerce você precisa projetar os seus investimentos para criar condições de aumentar as vendas.

Por exemplo, se você quer aumentar o conhecimento da marca, é muito recomendado que se direcione uma verba para as estratégias de Marketing Digital, como os anúncios do Google Adwords, divulgação nas redes sociais e também nos meios offline.

Outo ponto chave é reservar recursos para investimentos em tecnologia e novas funcionalidades. O mercado de e-commerce é muito dinâmico, logo sua loja virtual não pode ficar estagnada.

Invista tempo no seu planejamento financeiro

Tenha consciência de que o planejamento financeiro é um conjunto de ações que envolvem as metas, custos, receita e investimento.

Cada um desses parâmetros deve ser interligado para gerar uma boa expectativa. Lembre-se que esse trabalho de análise pode garantir a sobrevivência da empresa e a busca pelos lucros, além de gerar bons resultados para o próximo ano.

Agora que você já viu como criar um planejamento financeiro para e-commerce, confira 5 dicas para reduzir os custos operacionais no seu negócio!

(Visited 378 times, 6 visits today)