fbpx

Dropshipping em 2023: Como Fazer? Guia Completo

O modelo de dropshipping permite que você venda produtos sem estoque. Aprenda como fazer dropshipping com nosso Guia Completo!

Loja virtual sob Medida com agilidade e mensalidade acessível

Quer abrir uma loja virtual, mas está sem recursos para a compra de estoque? O dropshipping pode ser a solução!

Dropshipping é um modelo de e-commerce em que o lojista vende produtos sem mantê-los em estoque, transferindo o cumprimento do pedido diretamente ao fornecedor, que envia os produtos aos clientes.

O comércio online está em franco crescimento. Mas abrir uma loja virtual requer planejamento e logística, e o pontapé inicial pode ser complicado para quem ainda não conta com estoque. Se você está nessa situação e busca uma solução viável, é importante entender o que é e como funciona o dropshipping. Basicamente, trata-se de vender sem ter os produtos estocados. Um ponto positivo é economizar no investimento inicial.

Criar uma loja de Dropshipping em 2023 pode ser viável, mas é importante entender que o sucesso não é garantido e as promessas de ganhar muito dinheiro sem trabalhar são frequentemente exageradas.

Neste artigo, você vai conferir o que é dropshipping na prática, dicas de como encontrar os melhores fornecedores, entre outras informações relevantes sobre essa tendência capaz de impulsionar rapidamente os resultados de um e-commerce. Boa leitura!

O que é dropshipping e como funciona?

O que é Dropshipping?

Dropshipping é um termo empregado no comércio eletrônico para se referir à prática de utilizar estoque de terceiros para a venda de produtos, já que muitos empreendedores em sua fase inicial não têm condições de investir alto em mercadorias.

No Dropshipping, o lojista cria uma loja virtual, escolhe produtos de fornecedores, define preços e marketing. Quando um cliente faz uma compra, o lojista repassa os detalhes ao fornecedor, que envia o produto ao cliente. O lojista ganha a diferença entre o preço de compra e venda. Benefícios incluem baixo investimento inicial e foco em marketing e vendas, mas desafios podem envolver qualidade e controle de estoque do fornecedor.

Dessa maneira, muitos empresários do ramo procuram por empresas que forneçam um catálogo de mercadorias, além de logística, para a abertura da loja virtual.

O dropshipping permite, então, que o lojista coloque sua ideia em ação sem que haja a necessidade de, num primeiro momento, comprar itens e contratar mão de obra para o gerenciamento de estoque e entrega.

Essa estratégia é muito utilizada não só por e-commerces novos, mas também por marketplaces. Tudo porque vários fornecedores vendem seus produtos em um só domínio. Nesse caso, toda a logística também é feita pelos fabricantes, que enviam as mercadorias aos clientes em nome da empresa em questão.

Então, dropshipping consiste em usar a sua loja virtual como vitrine para a revenda de artigos de terceiros. Assim, a sua principal função é intermediar a relação entre fornecedor e cliente na hora do fechamento da compra.

Em geral, toda a logística de entrega é feita pelo fabricante. Por isso, é válido apostar em um pós-venda eficaz, a fim de saber se o usuário ficou satisfeito com a entrega, qualidade e condições do produto.

Quais os principais desafios e dificuldades dos lojistas?

Iniciar uma loja virtual de dropshipping no Brasil apresenta desafios únicos. Primeiramente, a confiabilidade dos fornecedores é uma preocupação constante. Encontrar parceiros que entreguem produtos de qualidade dentro de prazos aceitáveis é crucial, considerando a complexidade da logística nacional. Além disso, as barreiras alfandegárias e os atrasos na importação podem afetar negativamente a experiência do cliente.

Outro desafio é a competição acirrada. Com a popularização do dropshipping, muitos empreendedores aderiram a esse modelo, saturando certos nichos e tornando difícil se destacar. O marketing digital e a criação de uma proposta de valor única se tornam essenciais para superar a concorrência. Adicionalmente, lidar com questões de atendimento ao cliente, como problemas de entrega, devoluções e qualidade do produto, requer uma abordagem cuidadosa para manter a reputação e a confiança dos clientes.

Como escolher fornecedores?

Há alguns anos, o dropshipping era conhecido como uma negociação ilegal — pelo fato de que os principais fornecedores eram de fora do Brasil, e isso era visto como contrabando. Porém, algumas coisas mudaram!

Nos últimos anos, essa forma de comércio cresceu, o que fez com que muitos fornecedores brasileiros visassem o mercado. Agora, há opções tanto estrangeiras quanto nacionais para você fazer uma parceria de sucesso.

É importante saber como escolher bons fornecedores para e-commerce, uma vez que essa é a mola mestra do dropshipping. Nesse sentido, você pode:

  • começar pesquisando quais são as opções de dropshipping no segmento em que deseja atuar;
  • verificar a reputação da empresa no mercado;
  • pesquisar sobre a qualidade do serviço com outros clientes;
  • cotar os preços praticados;
  • descobrir como é realizado o processo de entrega e a política de trocas e devoluções no e-commerce;
  • contatar os selecionados da sua lista, para averiguar as informações da pesquisa.

Como escolher fornecedores de dropshipping?

Quais as vantagens do dropshipping?

Apostar nesse modelo de negócio online é muito promissor. Afinal, exige pouca liquidez para a abertura e operação da empresa se comparado com um e-commerce que precisa se dedicar também à compra de produtos, estocagem e logística para a entrega.

Veja, a seguir, os principais benefícios do dropshipping:

  • abertura de loja virtual com redução de custos e riscos;
  • não há a necessidade de investir em equipe;
  • logística de entrega de mercadoria gerida pelo fornecedor;
  • variedades de produtos, utilizando mais de um fornecedor.

Quais as desvantagens?

Por outro lado, quem decide investir nessa estratégia para comércio virtual também deve levar em consideração alguns pontos críticos, como:

  • Risco de contratar fornecedores dropshipping de qualidade duvidosa, principalmente fora do Brasil (é necessário pesquisar antes!).
  • Concorrência: A popularidade do Dropshipping levou a uma maior concorrência, tornando mais difícil se destacar.
  • Qualidade e Prazo de Entrega: Dependência dos fornecedores para qualidade e prazo de entrega pode afetar a experiência do cliente.
  • Margens de Lucro: As margens podem ser reduzidas devido aos custos de envio, taxas e preços competitivos.
  • Controle Limitado: Você tem menos controle sobre o estoque, envio e qualidade dos produtos, o que pode afetar a reputação da sua loja.
  • Sazonalidade: Certos nichos e produtos podem ser sazonais, afetando a consistência dos lucros.
  • Total dependência de terceiros.

Como funciona na prática?

Para montar seu negócio de dropshipping, o ideal é começar determinando seu nicho de mercado. Se você optar por vender suplementos alimentares, por exemplo, sua estratégia será bem diferente da de alguém que decida investir no ramo de enxoval para bebês.

Uma vez definida essa questão, é o momento de escolher o fornecedor. Nessa etapa, o preço do produto importa, mas também pontos como a qualidade do produto e a forma como ele será entregue. Depois de tudo combinado, é hora de escolher a plataforma de e-commerce, montar sua oferta e começar a vender.

Quando uma venda é concretizada, geralmente é o fornecedor quem se encarrega da separação do produto, da emissão de nota fiscal e da entrega. Da mesma forma, no caso de troca ou devolução, também é responsabilidade dele.

Como identificar novos fornecedores de dropshipping?

O dropshipping grossista, ou seja, o fornecedor atacadista, normalmente não tem uma forte presença online. Afinal, seu objetivo é justamente entregar seus produtos para que outras empresas revendam. Ele não quer ser encontrado pelo cliente final.

Um fornecedor atacadista não cobra taxas mensais e costuma oferecer um canal específico para seus intermediadores, solicitando um cadastro diferenciado. Além disso, é possível que seja direcionado para que você faça um pedido mínimo e que o fornecedor exija uma taxa extra para envios individuais.

Melhores fornecedores de dropshipping

Quais os melhores fornecedores de dropshipping em 2023?

A abertura de uma loja, mesmo que seja virtual, requer um bom planejamento de estoque. O que isso significa? Que sua intenção de venda precisa ser de acordo com a capacidade de fornecimento do atacadista. Outro ponto é decidir se você vai trabalhar apenas com grossistas nacionais ou, também, com internacionais.

Empresas que trabalham com dropshipping

Confira os principais fornecedores e atacadistas para trabalhar em 2023 e ter excelentes resultados com dropshipping:

Principais dúvidas de lojistas sobre dropshipping

Confira abaixo as dúvidas mais frequentes que lojistas possuem sobre o modelo de negócio dropshipping. As respostas são curtas, mas são a realidades (nada de fake por aqui!). Confira nossa lista de perguntas e respostas direto ao ponto:

1. Como fazer dropshipping em 2023?

Para fazer dropshipping em 2023, selecione um nicho rentável, encontre fornecedores confiáveis, crie uma loja virtual com plataformas como Shopify ou Loja Premium, promova seus produtos com marketing digital eficaz e priorize a excelência no atendimento ao cliente para construir um negócio sustentável.

2. Quais plataformas usar?

Plataformas de e-commerce como Shopify, WooCommerce e Loja Premium são populares para criar sua loja. Use também ferramentas de pesquisa de produtos e análise de mercado. A Bertholdo sugere essas três plataformas pela sua experiência com ambas. Nossos especialistas estão preparados para criar, ajustar e otimizar lojas de dropshipping nestas plataformas.

3. Quais as vantagens do dropshipping?

Baixo investimento inicial, variedade de produtos, foco em marketing e flexibilidade geográfica.

4. Como escolher produtos?

Pesquise nichos, tendências e demanda. Escolha produtos com boa margem e qualidade.

5. Como achar fornecedores confiáveis?

Pesquise em plataformas como AliExpress, SaleHoo e contate diretamente fabricantes. Leia avaliações e faça testes pequenos.

6. Como funciona o processo de pedido?

Cliente faz pedido em sua loja. Você repassa ao fornecedor com detalhes de envio. Fornecedor entrega ao cliente.

7. Quanto lucro posso obter?

Margens variam. Calcule custos de produto, envio, taxas e marketing. Lucro médio pode ser de 10-30%.

8. Preciso de estoque?

Não. Fornecedores mantêm estoque e lidam com envio.

9. Como lidar com prazos de entrega?

Escolha fornecedores com opções de envio rápido. Comunique prazos realistas ao cliente.

10. Como construir confiança com clientes?

Ofereça atendimento excelente, políticas claras de devolução e transparência sobre prazos e produtos.

11. Há desafios no dropshipping?

Sim, como concorrência acirrada, qualidade de produtos, controle limitado e margens ajustadas.

12. Dropshipping garante sucesso rápido?

Não. Sucesso requer pesquisa, estratégia e dedicação contínua.

13. O que diferencia lojas de dropshipping de outras?

Marketing eficaz, seleção cuidadosa de produtos e foco no atendimento podem fazer a diferença.

Sacadas para obter sucesso no dropshipping

Sacadas para obter sucesso no dropshipping

Lojistas que alcançaram sucesso e alto volume de vendas com lojas de dropshipping frequentemente utilizam as seguintes estratégias e sacadas:

  1. Nicho Específico: Em vez de vender produtos genéricos, focam em nichos específicos com alta demanda e pouca concorrência.
  2. Pesquisa Profunda: Realizam pesquisas detalhadas para identificar tendências, produtos em alta e demanda insatisfeita no mercado.
  3. Seleção Criteriosa de Fornecedores: Escolhem fornecedores confiáveis, com boa reputação e avaliações positivas. Podem também desenvolver relacionamentos diretos com fabricantes.
  4. Marketing Eficiente: Utilizam estratégias de marketing digital como SEO, anúncios pagos, marketing de influência e redes sociais para alcançar seu público-alvo.
  5. Branding Diferenciado: Criam uma marca única com identidade visual e voz distintas, construindo confiança e conexão com os clientes.
  6. Foco na Experiência do Cliente: Oferecem excelente atendimento ao cliente, resolvem problemas prontamente e mantêm transparência sobre produtos e prazos.
  7. Descrições e Fotos Atrativas: Criam descrições de produtos detalhadas e convincentes, juntamente com imagens de alta qualidade.
  8. Política de Devolução Clara: Estabelecem políticas de devolução justas e transparentes, aumentando a confiança dos clientes.
  9. Avaliações e Depoimentos: Coletam e exibem avaliações de clientes satisfeitos para construir credibilidade.
  10. Testes Constantes: Experimentam diferentes produtos, estratégias de marketing e otimizam com base nos resultados.
  11. Upselling e Cross-selling: Oferecem produtos relacionados ou complementares para aumentar o valor do pedido.
  12. Análise de Dados: Utilizam análises para entender métricas de desempenho, identificar padrões de compra e ajustar estratégias.
  13. Foco em SEO Local: Para o mercado brasileiro, investem em otimização para mecanismos de busca locais, como o Google Brasil.
  14. Ofertas e Promoções Estratégicas: Utilizam promoções sazonais e ofertas limitadas para impulsionar as vendas.
  15. Feedback dos Clientes: Valorizam o feedback dos clientes para aprimorar a oferta de produtos e a experiência de compra.

Lembre-se de que o sucesso no dropshipping é resultado de trabalho árduo, persistência e adaptação constante às mudanças do mercado. O entendimento profundo do público-alvo e a capacidade de oferecer valor agregado são fundamentais para se destacar em um cenário competitivo.

O dropshipping é ou não um bom negócio?

Como toda aposta, essa estratégia apresenta possibilidades de perdas e ganhos. O que vale no momento da decisão é saber com quem você está fazendo negócio, ou seja, saber a procedência dos fornecedores que estão sendo contratados.

Então, pesquise! Converse com lojas virtuais parceiras, fique a par de como funciona o dropshipping com esses fabricantes e experimente o serviço antes de contratá-lo.

E, por fim, tenha um SAC que dialogue com o seu público. Não o deixe de lado só porque você não participa de todas as etapas da compra. Invista em marketing digital e procure sempre saber o que os seus clientes estão buscando no momento.

Agora que você aprendeu o que é dropshipping, talvez esteja interessado em conhecer uma loja virtual sob medida para dropshipping profissional. Conheça a Loja Premium!

4.9/5 - (10 Votos)

Conteúdos relacionados

Rolar para cima
Rolar para cima